CONSELHO DE REPRESENTANTES ANALISA DESAFIOS FACE AO NOVO CONTEXTO POLÍTICO DO PAÍS

1/4/2019

Durante o Conselho de Representantes, membros, trabalhadores, parceiros e amigos analisaram o actual contexto político, social e económico do país e suas implicações para o trabalho da ADRA e de outras organizações da sociedade civil.

“O maior desafio da ADRA é de tentar alargar à sociedade, as suas experiências e as suas reflexões em termos da sua visão de desenvolvimento.” Afirmou Fernando Pacheco, fundador da ADRA, à margem do 20º encontro do Conselho de Representantes que decorreu em Luanda na manhã de sábado (30 de Março).

Fernando Pacheco realçou ainda que“a ADRA tem uma experiência concreta que podia ser utilizada por outras instituições do país quer do Estado quer estejamos a falar de Partidos Políticos, sociedade civil ou Igreja, que poderia ser absorvida não no sentido de fazer igual, mas no sentido de servir de referência para não se cometer os mesmos erros”.

O processo de descentralização do país representa uma importante oportunidade para formulação de planos municipais de desenvolvimento dos diferentes actores locais.

A Directora da Antena-Huambo,Cidália Gomes, quando questionada sobre os desafios que a província enfrenta, afirmou que “há maior abertura por parte das autoridades locais e isso constitui um desafio para nós, no sentido de tirarmos maior proveito desta abertura”.

Participaram do evento, os membros do Conselho Directivo vindo de várias províncias de Angola, membros da organização, trabalhadores, parceiros e amigos da ADRA. Num total de 46 pessoas das quais 15 mulheres.

Download PDF

Partilha

1
FACEBOOK
2
TWITTER
3
YOUTUBE