ADRA capacita estudantes sobre políticas públicas

14/9/2021 5:41 PM

Um grupo de 30 estudantes do Curso de Educadores Sociais do Instituto de Ciências Religiosas de Angola (ICRA) participou, ontem, 13 de Setembro, na sessão de formação sobre Políticas Públicas em Angola, durante o Seminário de Capacitação Profissional dos estudantes finalistas.

A sessão foi facilitada pelo Director da ADRA, Carlos Cambuta, que apresentou aos estudantes as principais políticas públicas e destacou a necessidade de serem monitoradas pelos cidadãos, pois, como avança, tendem a falhar por causa do modelo adoptado que não engaja a população.

"As políticas públicas são concebidas de cima para baixo, ignorando as reais necessidades das comunidades sobre as quais são implementadas".

Os estudantes mostraram-se satisfeitos com os conteúdos ministrados na formação, como foi o caso de Humbelina António, uma das 18 mulheres participantes.

“Como Técnica Social não posso agir de forma empírica, mas sim de acordo com os instrumentos legais que já existem e as políticas públicas acabam sendo estes instrumentos que o Estado concede junto das comunidades para promover o desenvolvimento. Por isso estas informações serão muito vantajosas”, exclamou.

Rosalina Baião afirmou que “existem muitas políticas implementadas que infelizmente não foram bem estudadas e no final de tudo ficam apenas como promessas.”

Para o Director Geral da ADRA, o ICRA deve continuar a abordar sobre estes temas aos estudantes para que quando estiverem em campo de estágio não possam encontrar dificuldades de compreender o contexto político.

Carlos Cambuta também fez menção do Projecto Kwenda, do Programa Integrado de Implementação dos Municípios (PIIM) e do Programa Integrado de Desenvolvimento Local e Combate a Pobreza (PIDLCP), como referências actuais de políticas públicas no país.

“A situação social poderá melhorar à medida que melhorar também o processo de implementação das políticas públicas. Se não houver rigor, disciplina, dedicação na qualidade da formulação, implementação e na avaliação destas políticas, continuaremos a ter os problemas que temos”, concluiu.

Os Educadores Sociais são agentes de transformação que intervêm na organização e desenvolvimento das comunidades, com a participação dos membros no processo de transformação social.

Fazer Download